Disseminando gentileza nos encontramos no tempo da delicadeza...

23 de fev de 2009

comum

o lugar não é mais
o último agora
o lugar que não ficou
virou estória
algum lugar é
estar
de fora
tudo que é lugar
não tem hora
sem olhos
de lugar
nem sentido tem lugar
nem espaço tem lugar
o lugar saiu de outro
tudo para um lugar
todo lugar é pouco
quis céu: tarde
invertido: arde
céu entanto
foi o jardim de narciso
infinito[tardências]então
com o charme de lugar nenhum
aqui se fica
aqui se vai
e agora...
a luz tem lugar em cima
a sombra tem lugar no chão
a rua tem um lugar que vem
o pé traz um lugar na sola
o corpo é lugar de alguém

Jo Bittencourt
http://www.fissilflor.blogspot.com/

Decidi trazer este poema da Jo Bittencourt porque de forma sempre original,
ela me surpreende a cada dia. Uma jovem poeta e escritora que rompe padrões
e inova com sua escrita.
Jo Bittencourt estrutura e desestrutura 'Uma nova palavra'.

Parabéns Jo!
Carinho,
Mai

9 comentários:

  1. Lindo o poema!
    Parabéns pela escolha Mai.

    É... em algum lugar do meu coração, o que não ficou, também virou estória!

    Aqui tudo continua lindo!
    Beijo pra todos :)

    ResponderExcluir
  2. "com o charme de lugar nenhum
    aqui se fica
    aqui se vai..."

    Tudo em tão pouco!
    Poucas palavras... e Agora... Ficamos perdidos diantes dessas dívidas...
    Lindo poema!

    Parabéns pela escolha!

    ResponderExcluir
  3. Daquelas letras que se lê e relê e não se cansa de ler.
    Parabens a autora e a mai pela escolha.

    ResponderExcluir
  4. Mai amore mio! danadinha...


    adorei, e fico muito agradecida pela consideração e pelo olhar sempre tão gentil. vc é muito especial!


    grande beijo



    \o/

    ResponderExcluir
  5. Parabéns às duas, se fato, viu. Linda poesia e excelente escolha.
    Lendo num dia prá lá de chuvoso em pleno carnaval!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  6. Muito bom! Prabéns pela homenagem! Abraços

    ResponderExcluir
  7. Jo,

    a cada dia que revisito o teu espaço, me surpreendo.

    Minha curiosidade se instiga, sempre que percebo que há novidades lá no 'fissil'...

    Você é daquelas escritoras que não temem ousar. E adoro isto.
    Não lembro de ter lido uma postagem sua em que eu houvesse encontrado alguma obviedade.

    Escreve, querida e nos encanta.

    Beijos,

    Mai

    ResponderExcluir
  8. Passei para uma visita e gostei muito do seu blog. Simples e inteligente. Espero poder voltar mais vezes.

    abraços - Mangapinto

    ResponderExcluir
  9. Olá amigos!

    Como foi o carnaval? O quais são as histórias?

    Saara, Preciso de um favor:

    Divulgar o sorteio que farei no dia 28/02, de 10 livros "Sinais de Esperança", para concorrer bats ser uma seguidora e amiga do blog.

    Conto com sua ajuda e apoio...

    Um mega abraço...

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário. Visite-nos em nossos blogs pessoais.