Disseminando gentileza nos encontramos no tempo da delicadeza...

23 de abr de 2009

SER HUMANO - Profissão: Vigilante

Eu sou o ar
Sou o medo o sonho e o pó na marquise
Sou magma ou, se quiseres, oceano
Sou um ilhéu em chamas naufragando no mar nocturno
Sou a ordem caótica dos teus desejos
Sou a carne e a íris piedosa da oferenda
Sou a indelicadeza e a dor que tenta caber em um único nome
Sou a insubstância letal do pecado, Mas sou!
Sou a última curva do silêncio
a última urina
a última flecha
a última cor
Sou o guardião das sementeiras
Sou a flor, a árvore, o fruto e o unicórnio
Sou a relutância da morte e do beijo.
Sou a Grécia e o Egeu
Sou a válvula das lágrimas e dos rios
Sou a mecânica fluida dos sorrisos
Sou o Louco
a grávida e a morta abandonada nos esgotos
Sou a sorte e também a chuva
Sou o amor que se desprende dos gestos
Sou a esperança, a derrota e a gravidade
Sou a inteligência sensitiva dos espíritos
a palavra, a letra e o Universo em formação

Eu sou tu, e tu és eu. Para sempre.
.
Leo Mandoki, Jr
http://leomandoki.blogspot.com/
.

Algumas coisas faço questão de esquecer. Há outras, porém, que jamais deixarei de lembrar. E agora mais que sempre, desejo homenagear o Leo Mandoki, Jr. Porquê agora? - Há coisas que não se explicam. Mandoki é tudo e nada porque ele existe em sua palavra e nela, ELE É. Por tudo e em tudo que escreve Leo é todas as coisas e qualquer um de nós. Vive em Arte e em palavra. Aqui neste belíssimo poema ELE É Verbo, é todas as coisas. É o silêncio e o eco sonoro da palavra que existe no vazio. Um Ser Humano que pode ser o que quiser ser. Livre e transgressor, agora, em seu perfil, Ele diz que sua profissão é: "Vigilante". E em certo sentido deve ser, mesmo, porque ele é tudo o que diz ser. É isto.
É tudo isto, nada disto, ou muito mais que isto porque ele sempre surpreende e porque estou falando de Leo Mandoki vírgula junior, eu nada sei sei apenas que ele é um Ser Humano de rara beleza.
"Leo Mandoki,Jr. SER HUMANO (e por incrível que pareça, de carne e osso)"
Um Ser Humano a quem respeito e admiro.

4 comentários:

  1. Lindo poema, intrigante até.
    E bela e terna homenagem, com palavras de admiração e respeito, amizade é tudo.

    Bjs e ótimo final de semana

    Chris

    ResponderExcluir
  2. Leo Mandoki merece qualquer homenagem que fizermos. O mago escritor português é um grande poeta e um ótimo amigo

    ResponderExcluir
  3. O Leo Mandaki e manda lá em casa também..
    brincadeira, apenas uma alusão ao fato de no começo sempre ler Mandaki com 'a' e não Mandoki com 'o'.


    Quanto a homenagem, maravilhosa e irretocável!

    ResponderExcluir
  4. Magnífico :)
    Parabéns a quem o escreveu e a quem escolheu.

    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário. Visite-nos em nossos blogs pessoais.