Disseminando gentileza nos encontramos no tempo da delicadeza...

30 de mar de 2009

Ah,mar...

E derrepente me veio o teu gosto a boca...
E tambem o cheiro...
O quente do sol...
E o frio do vento...
À pele...
A pressão das tuas água nos ouvidos...
Como uma onda quebrando sobre mim...
E eu que tanto gosto de você...
Tanto tempo que não te vejo...
Talvez até por desatenção...
Saudade do seu salino beijo...
Da sua pele na minha sola...
Das vezes que me fez em bola...
Das saideiras na hora de ir embora...
Das vezes que me carregou ao céu...
Das vezes em que quase ao inferno me jogou...
Breve, a ti eu vou...
E vou...
Com todo meu afeto...
Decreto...
Que você é o meu chão...
Sendo assim, então...
O céu, teto...
.
Lipe M.T.Março, 2009
.
http://dedentrodonada.blogspot.com/
.
Decidi postar esta homenagem ao Lipe por vários motivos. Primeiro porque o Lipe é um Ser Hmano ímpar. Criativo e genial em tudo que faz e diz. Sinto-me priviegiada em tê-lo por perto e enfim, poder perceber a beleza que existe dentro do Lipe. Nisto que ele nomeia "de dentro do nada", posso atestar que existe um tudo conteúdo que surpreende-me a cada instante nos dias em que conversamos sobre muito ou quase tudo... Um jovem aos vinte anos, brincando com as palavras na simplicidadeque é ser 'humano'. Este é o Lipe Grande Homem em sua Humanidade e beleza.
.
Dentro do Lipe há Poesia da melhor qualidade.
Por tudo isto ele me é Especial.

9 comentários:

  1. Lipe se define como um 'amador'...
    'Loucido'...

    E é mesmo. adorável 'amador' e felizmente, 'loucido'...

    Brilhante em seus momentos de seriedade e genial em seus momentos de graça com que joga a sua humanidade de modo único...

    Ele é adorável e me faz sorrir, quase sempre.

    Humanidade é o que transborda nesse jovem.
    E eu sou suspeita porque sinto muito carinho por ele.

    E aqui deixo meu abraço a ele,

    Mai

    ResponderExcluir
  2. Que lindo Mai! Adorei conhecer as letras de Lipe...quanta simplicidade e completude...amei!

    Bjs aos dois!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom Mai exelente escolha. Bj

    ResponderExcluir
  4. *
    escolha sublime,
    ,
    conchinhas, deixo,
    ,
    *

    ResponderExcluir
  5. Que delícia de homenagem!
    Linda de viver!

    ResponderExcluir
  6. Muito linda sua poesia definindo cotidianamente amar...forte abraço e otimo dia pra ti...

    ResponderExcluir
  7. Belo texto...
    Bela homenagem, nao seriamos nada sem amor... e o mundo nada seria sem a amizade e o respeito.
    Parabens pelo blog, obrigado pela visita ao meu, volte sempre
    abraço

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário. Visite-nos em nossos blogs pessoais.