Disseminando gentileza nos encontramos no tempo da delicadeza...

19 de mar de 2009

Pretenso poema

foto: http://nat.innatura.nafoto.net
Não escrevo poemas pra seduzir
Escrevo pra não implodir,
pra não desabar
Não choro porque sofro
da dor de um amor pequeno
Choro porque
transbordo de um sentissem dono,
sem nome, sem limite
Não grito pra que a multidão me ouça
Grito porque ecoa dentro
de mim uma profusão
de ideias que precisam se libertar
Não desejo a felicidade sem fim
Desejo apenas abrandar
essa inquietação que
gera tantas partidas
Não pretendo definir o que
se passa cá por dentro
Pretendo apenas
prosseguir riscando esses traços
disformes que chamo de lar
*
tossan disse...
Um lamento, um som que escuto
de ti neste momento..
sim escuto..Sei da tua inquietação,
sei porque sinto também.
Esta saudade não é de ninguém
é da gente mesmo.

9 comentários:

  1. Logo logo aparece alguém para por luz
    nesse candeeiro,
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Essas pessoas lindas que tem por aqui, logo, logo, vão nos brindar com excelentes postagens!
    Eu adoro esse cantinho!


    Beijos a todos!

    ResponderExcluir
  3. Eu fiz esta postagem para chamar a atenção, como se fosse o tio pedindo para os sobrinhos fazerem uma visitinha. Eu sei que cada um tem os seus blogs e seus trabalhos. O tempo é curto para todos nós, eu sei...Foi apenas uma postagem diferente com a foto da minha amiga, aproveitando para pedir uma visita. Por favor não fiquem bravos comigo. Abraços

    ResponderExcluir
  4. Não há como ficar brava contigo masconfesso quando eu recebi teu chamado eu ri porque senti o 'puxão' na orelha....
    Mas tu és lindo e não és tio coisa alguma... És um jovem de 202 anos, eu vi em teu perfil a tua idade... Mas escritores, artistas, poetas e todas as pessoas a quem amamos não envelhecem e são imortais...

    Bem quanto ao chamado estás certo. Somos amigos que fomos chamados anos confraternizar e disseminar gentilezas na blogosfera.

    AMIGOS NA BLOGOSFERA....
    És lindo, Fernando-Tossan.

    Sabes o quanto gosto de ti, amigo querido.
    Eu e tu já postamos tantas vezes que, na verdade eu fico é acanhada de postar mais que os amigos...


    Gostei muito da fotografia apesar da incompletude....


    Beijos a todos.

    Carinho Mai

    ResponderExcluir
  5. Querido....como alguém pode ficar bravo com vc?
    A foto é maravilhosa e triste.
    O poema idem e eu só não posto mais pq tenho medo de apanhar....rsrsrsrsrs
    Esse mundo dos blogueiros possui textos, poesias, contos MARAVILHOSOS. Reuní-los aqui seria perfeito.
    Só não vou trazer o seu agora pq vc acabou de postar, mas em breve, eu coloco aqui, pq eu me apaixonei por eleeeeeeeeeeeeeeeeeeee......rs

    beijo, meu Querido!

    ................Cris Animal

    ResponderExcluir
  6. Olá Tossan queridooo!

    Só me falta tempo... porque todos vocês amigos blogueiros são poetas natos, tenho muito o que postar aqui...

    Não tem como nós ficarmos chateadas com você, apesar da atenção chamada rsrrsrsrs

    É engraçado como eu me sinto em casa toda vez que venho aqui. Já gosto de vocês como se conhecesse de verdade, apesar da minha ausência.... é o tempooooo!!

    Não vou citar nomes porque não seria justo, mas sinto falta de cada comentário quando não os tenho.

    Um beijo a todoooss e adorei a postagem!! :)

    ResponderExcluir
  7. Querido Tossan

    Claro que me importo, me importo porque é importante. Importante sua amizade, sua cumplicidade, sua generosidade.

    Mesmo sem fazer parte do "staf" permanente (confesso que não estou dando conta direito nem do Impressões), esta já é minha segunda pequena participação por aqui. Tenho que dizer que a primeira me pareceu bem mais inspirada. Afinal, não dá pra competir com o Léo, não é? Mas fico feliz que do Impressões tenha saído algo que te fez pensar merecedor de "reedição".

    Enfim, vc é realmente uma pessoa especial.

    ResponderExcluir
  8. Que bonito e interessante :)
    Parabéns.

    Beijinho

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário. Visite-nos em nossos blogs pessoais.